08 – Um Atlântico musical nas cordas do Cavaquinho e do Braguinha – 2º Episódio da Série

Neste segundo programa dedicado ao Braguinha, o nosso convidado Paulo Esteireiro fala da importância da cidade de Funchal – capital da Ilha da Madeira, como primeira capital europeia fora da Europa e como isso foi determinante para todo um fluxo cultural entre os continentes africano, europeu e americano que passava pela ilha. Além disso, Esteireiro fala  sobre a modinha, a polca e o maxixe e também sobre a presença e a influência da música brasileira em Portugal, já desde o final do século XIX, especialmente na Ilha da Madeira. 

FICHA TÉCNICA:

. Abertura e encerramento: Limpando o salão (Gilberto Vieira), com o grupo Gafieira de Minuta.

. Brilho nos Olhos (Paulo Esteireiro)

. Corta-Jaca (Chiquinha Gonzaga). Gravação de 1910. Grupo Chiquinha Gonzaga. 

. Sal Rei (Luis Rendal). Cabo Verde.

. Você se esquiva de mim (Anônimo). Obra retirada do álbum: O Amor Brazileiro. Modinhas & Lundus do Brasil: Sigismund Neukomm, José Maurício Nunes Garcia. Vol. 2. Interpretam: Rosemeire Moreira (Soprano), Tiago Pinheiro (Tenor), Rosana Lanzelotte (Pianoforte), Guilherme de Camargo (Guitarras), Dalga Larrondo (Percussão), Ricardo Kanji (Flauta). Direção: Ricardo Kanji.

. Corta-Jaca (Chiquinha Gonzaga). Gravação de 1910. Grupo Chiquinha Gonzaga. 

. Clara Polca  (Cândido Drumond de Vasconcelos). Versão de Paulo Esteireiro

. Atraente (Chiquinha Gonzaga). Pixinguinha (saxofone) e Benedito Lacerda (flauta) acompanhados por Regional. Gravação de  1950.

. Tacacá (Luiz Gonzaga) – Gravação de 1956. 

BIBLIOGRAFIA:

ESTEIREIRO, Paulo. PONTES ENTRE MADEIRA E O BRASIL NO DOMÍNIO MUSICAL: ECOS NOS PERIÓDICOS MADEIRENSES (1854-1977). 

 

Na cadência da História

Expor Visões

Exporvisões Visualizar tudo →

Miradas afetivas sobre museus, patrimônios e afins

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: