Categoria: Na cadência da História

08 – Um Atlântico musical nas cordas do Cavaquinho e do Braguinha – 2º Episódio da Série

Neste segundo programa dedicado ao Braguinha, o nosso convidado Paulo Esteireiro fala da importância da cidade de Funchal – capital da Ilha da Madeira, como primeira capital europeia fora da Europa e como isso foi determinante para todo um fluxo cultural entre os continentes africano, europeu e americano que passava pela ilha. Além disso, Esteireiro…

Leia mais 08 – Um Atlântico musical nas cordas do Cavaquinho e do Braguinha – 2º Episódio da Série

07 – Um Atlântico musical nas cordas do Cavaquinho e do Braguinha – 1º Episódio da Série

Estamos iniciando uma nova série dedicada a dois instrumentos irmãos quase gêmeos: o cavaquinho e o braguinha – talvez poucas pessoas saibam que esses instrumentos estão presentes em vários lugares do mundo, mesmo que recebendo nomes, formatos e afinações diferentes. Desde Portugal, passando pelo Havai, Cabo Verde até o Brasil.  E para falar desse tema,…

Leia mais 07 – Um Atlântico musical nas cordas do Cavaquinho e do Braguinha – 1º Episódio da Série

06 – Paulo Silva, o Instituto de Música e a resposta a um racista

No segundo e último programa da série sobre o Maestro Paulo Silva, o professor Amilcar procura entender os motivos do apagamento da memória do Maestro após a sua morte, a partir de uma análise das questões raciais no Brasil. Em especial, o episódio de racismo sofrido por ele em 1925, e que o levou a escrever uma carta - que nunca foi publicada - que o professor Amilcar nos conta em detalhes.

Leia mais 06 – Paulo Silva, o Instituto de Música e a resposta a um racista

05 – Paulo Silva: música e raça na trajetória de um maestro negro

Nessa nova série de dois episódios, conversamos com o historiador Amilcar Araújo Pereira, professor da Faculdade de Educação da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), que nos brindou com a história do Maestro Paulo Silva. Reverenciado por Heitor Villa-Lobos, Tom Jobim e Pixinguinha, Silva foi considerado, a sua época, o maior contrapontista da América do Sul. Entretanto, após sua morte, seu nome e sua obra caíram no esquecimento e Amilcar vai nos ajudar a compreender as motivações.

Leia mais 05 – Paulo Silva: música e raça na trajetória de um maestro negro